Três pessoas rindo e comendo Três pessoas rindo e comendo
Copag > Blog Copag > A Copag > Você sabe quais são as cartas mais fortes do truco paulista?

Você sabe quais são as cartas mais fortes do truco paulista?

02.02.2024

Compartilhar em:

Linkedin Facebook Twitter Whatsapp
Voltar ao BlogVoltar ao Blog
Tag curiosidade A Copag

Você está pronto para virar mestre no truco paulista? Descobrir quais são as cartas mais fortes do truco é um passo essencial para arrasar nesse jogo que usa um baralho bem diferente do tradicional!
 

Por isso, neste artigo, vamos revelar qual a ordem das cartas e quais são as consideradas mais fortes para garantir sua vitória.
 

Continue lendo e descubra!
 

Quais são as cartas mais fortes do truco?


No jogo de truco paulista, as cartas mais fortes são as manilhas. As manilhas são variáveis a cada rodada, definidas pela vira, que é a carta revelada após a distribuição das cartas aos jogadores.
 

A carta que vem imediatamente após a vira, seguindo a ordem crescente das cartas do baralho, é considerada manilha, e assim também as demais cartas de mesmo valor.
 

Por exemplo, se a vira for um quatro de ouros, as manilhas daquela rodada serão todos os cinco (paus, copas, espadas e ouros). Essas cartas têm um valor superior às demais e superam qualquer outra carta, exceto uma manilha de naipe superior seguindo a hierarquia dos naipes, que é: ouros, espadas, copas e paus.
 

Vale ressaltar que as cartas três, dois, ás e sete copas são naturalmente fortes no truco, mas perdem para qualquer manilha.
 

Quais cartas não existem no truco?


Ah, o truco, essa batalha de blefes e estratégias onde conhecer o baralho é tão essencial quanto a própria coragem! No universo desse jogo, algumas cartas simplesmente não entram na disputa.
 

Esqueça os 8 e 9; eles não têm vez aqui. O baralho do truco é uma arena exclusiva para 40 combatentes, distribuídos igualmente entre os quatro naipes – cada qual com suas 10 unidades que vão do ás (1) ao rei (12).
 

E, falando em força, há um trio que merece atenção especial: dama, cavalo e rei. Eles são os pesos-pesados do naipe, representados pelas cartas 10, 11 e 12.
 

Mas não se engane, como visto acima, no truco a carta mais forte varia conforme a variante do jogo e região. No entanto, uma coisa é certa: saber quais são as cartas mais fortes do truco pode ser o seu grande trunfo para virar mestre nessa arte.
 

Ordem de força das cartas do truco


No truco paulista, a ordem de força das cartas é do maior para o menor: 4 de paus, 7 de copas, ás de espadas e 7 de ouros. Estas são seguidas pelas demais "manilhas", que são cartas de valor fixo acima dos outros, na ordem: 3, 2, ás de copas (exceto o ás de espadas, que é manilha) e 7 de basto e 7 de espada.
 

Após as manilhas, a ordem segue o ranking natural das cartas: K, J, Q, 7 (exceto os que são manilhas), 6, 5 e 4 (exceto o 4 de paus, que é a manilha mais alta).
 

Entenda que conhecer as cartas mais fortes do truco é apenas o começo. A verdadeira maestria vem com a habilidade de ler seus oponentes e jogar as cartas certas no momento ideal. E então, está pronto para entrar na arena e se tornar um campeão do truco? A batalha pelas melhores cartas está só começando!
 

Chegamos ao fim da nossa jornada pelo emocionante mundo do truco, onde cada carta tem seu papel no jogo de estratégia e blefe. Você descobriu qual a carta mais forte do truco, ou seja, que o poderoso 3 de espadas é a joia da coroa desse baralho vibrante, e aprendeu a hierarquia que governa as cartas mais fortes deste clássico jogo.
 

Agora, com o conhecimento das cartas que não marcam presença no truco e a ordem de força desses símbolos de poder em mãos, você está armado para dominar as mesas e surpreender até os adversários mais astutos.
 

Aproveite e confira, no blog da Copag, outras curiosidades sobre truco para se destacar ainda mais nas partidas e ter mais chances de ganhar nas suas próximas partidas!

Confira também: como jogar sueca